Ocorreu uma reunião nesta quinta-feira (27), em Brasília, com a presença de políticos gaúchos e com o secretário da Receita Federal Marcos Cintra e com o secretário de Administração Aduaneira da Receita Federal, Marcus Vinicius Vidal Ponte, para tratar da derrubada da lista negativa de produtos que não poderiam ser vendidos pelos free shops brasileiros. Esta lista, havia sido incrementada em dezembro de 2018 e agora, Marcos Cintra garantiu que em no máximos 10 dias, a Receita Federal deverá publicar no Diário Oficial da União a derrubada desta última lista. Ou seja, a chamada linha branca de eletrodomésticos deverá ser liberada para venda nas lojas francas.

Também confirmou que produtos brasileiros, como vinhos, poderão ser comercializados, o que deverá beneficiar a economia gaúcha.

O delegado local da Receita Federal Claudio Montano, em entrevista ao programa Clube Jovem Hits, garantiu que, além das três lojas já liberadas para funcionamento, mais três deverão ser habilitadas nos próximos dias.

Os brasileiros poderão gastar até 300 dólares por mês nas lojas francas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here